Não Há Educação Sem Censura

Dr. Michael LaitmanPergunta: Ao projetar o modelo da nossa política social nós começamos a pensar no que podemos fazer com relação à influência informativa externa da TV, jornais, etc. Nós desenvolvemos vários modelos.

Um dos modelos é a abertura total, mas ele não é adequado, uma vez que a pessoa é facilmente tentada e permanece, como você disse corretamente, no nível animal.

O modelo do sigilo total também não funciona, já que “o fruto proibido é doce”. Há uma barreira, como com a União Soviética, a Cortina de Ferro, onde a informação não vaza, etc.

O único modelo que poderia ser cumprido é não ter censura alguma. Mas cada fonte de informação é aceita de certa forma como confiável pelos censores internos. A pessoa pode escolher a fonte de informação que quer usar: aqueles que ela confia plenamente ou que não confia. Mas este modelo também não funciona porque não há educação ou ensino nele.

Resposta: Eu acredito que esse modelo não vai funcionar, porque nós temos que construir nossa própria influência sobre o ambiente de acordo com o nosso ensino e educação, retirando as influências externas.

Pergunta: Retirando-se? Mas o “fruto proibido é doce”.

Resposta: Não há nenhum “fruto proibido”, uma vez que a perspectiva da minha sociedade é de que não há nenhum “fruto proibido”. Eu tenho que me retirar, já que num estado de fraqueza eu posso me deteriorar e estragar a retirada.

Não há educação sem censura, uma vez que qualquer forma de educação está sob a influência do ambiente. Aqui você está provendo à pessoa tal ambiente que sem censura seus esforços podem ser em vão.

Por outro lado, menos pessoas podem entrar em diferentes sites e canais de TV cheios de lixo, como resultado de nossa educação intensiva e de todo processo da minha mudança de um egoísta para um altruísta.

Portanto, deve haver um sistema que selecione os programas bons e corretos dos que existem hoje, e isso deve ser claro e preciso. Deve haver um filtro especial, uma censura, outras condições externas. Mas devemos ajudá-la; senão ela será ineficaz, porque, enquanto o ego está ativo numa pessoa, ele vai obrigá-la a perambular no lixo da internet.

Nós concordamos voluntariamente com o filtro. Ninguém está nos forçando, mas é uma das nossas condições.

De KabTV “O Mundo Integral: A Fórmula da Sociedade Integral”, 01/07/12

Comente