Aflição É Um Teste Para O Amor

Dr. Michael LaitmanNós amamos o Criador como a fonte da qual extraímos prazer. Certamente, este é o amor egoísta e condicional. Se, em vez disso, o Criador nos enviou aflição, nós certamente responderíamos a Ele com ódio.

Affliction Is A Test for Love

Mas quando uma pessoa, chamada de “trabalhador do Criador”, sofre fazendo um trabalho espiritual, ela associa a aflição ao seu egoísmo e tenta se relacionar com o Criador com amor. Isto significa que ela se divide em duas partes, a parte que recebe e a parte que doa. Na parte que recebe, ela sente o sofrimento, mas deseja transcender acima dele. Então, ela se relaciona com os seus sofrimentos como um “exames” que o seu amor, de fato, cobre todas as transgressões e que ela pode subir acima de todos os estados que lhe causam dor.

Assim, ela entende, vê e sabe com certeza que sua atitude para com o Criador independe do seu ego. Caso contrário, ela não tem meios ou critérios para testar.

Portanto, a relação com o Criador é baseada no fato de que ela se anula em prol da doação, que ela percebe seu egoísmo original como pior que a morte. Mas somente sob essa condição é que ela pode ter certeza de que seu amor pelo Criador é incondicional e perfeito.

Da Preparação para a Lição Diária de Cabalá 12/08/12

Comente