Um Círculo Vicioso De Sucesso

Dr. Michael LaitmanPergunta: Que condições o nosso grupo está enfrentando agora a fim de subir ao próximo nível?

Resposta: O principal é usar as duas forças corretamente, as duas extremidades. Por um lado diz-se: “E o seu coração deve se elevar no caminho do Senhor”. Já que, se a pessoa não se orgulhar por estar seguindo o caminho de Deus, ela não será capaz de resistir às forças egoístas, as “cascas”, à medida que ela vai contra a opinião pública mundial.

Por outro lado, se ela não é modesta e humilde, esse orgulho não vai ser o orgulho correto. É por isso que ela tem que ser submissa à Luz que Reforma e entender que somente a Luz realiza as alterações e pode lhe dar o desejo de doar.

Após todo o sucesso a pessoa deve dizer, não fui eu quem fez isso, mas tudo foi feito de Cima e seu sucesso foi predeterminado. Então, ao invés de sentir orgulho por suas próprias realizações, ela deve estar orgulhosa de que o Criador a escolheu e elevou a este nível, de modo que agora ela será capaz de usá-lo para doar e, assim, se aproximar do Criador.

Ela não deve dirigir o sucesso para si, mas sim de si mesma para doação.

Assim, nós começamos a aprender e a usar o sucesso que alcançamos para avançar corretamente. Afinal, este estado que estamos agora, quando a pessoa sente que atingiu alguma coisa, pode ser um grande obstáculo para o seu avanço.

A pessoa se afasta do caminho por causa das falhas ou sucessos imaginários. Estes são dois estados opostos. Como resultado das falhas, ela perde a esperança, se desespera, foge, e se sente decepcionada. Mas quando ela tem sucesso, o problema é maior ainda, já que pode afastá-la ainda mais do Criador, como se diz: “Ele e eu não podemos habitar a mesma morada”.

Existem pessoas que são mais imunes a isso e há aquelas que são menos imunes. Mas se a pessoa não esquece a importância da meta e é honesta com relação a ela, isso a protege. Caso contrário, ela pode ser subornada por um bom emprego, um nome respeitado, uma boa reputação ou por ser bem sucedida aos olhos dos outros. Não será um cálculo honesto que vise apenas dela para fora.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 26/07/12, Shamati # 219

Comente