Uma Sociedade Para A Proteção Da Natureza Ou Da Alma?

Dr. Michael LaitmanPergunta: Eu tenho três filhos, e fiquei muito preocupada quando você disse que a nossa geração está esgotando todos os recursos naturais, não deixando nada para as nossas crianças. Como podemos corrigir esta situação?

Resposta: A nossa família geral inclui sete bilhões de pessoas e nós temos que pensar em todos, nos preocupando com o que vamos deixar para a próxima geração e não apenas com os seus três filhos ou nossos netos. Ao mesmo tempo, eu vejo que estamos curtindo a vida, consumindo os recursos vitais sem dar-lhes qualquer pensamento ou sentimento, e não nos preocupando com aqueles que virão depois de nós. Este é apenas um exemplo de como o nosso ego é cego e não entende o que está fazendo.

Se olharmos para o comportamento de todos os países e governos, podemos ver que ninguém está pensando no futuro. Nosso único desejo é sugar mais recursos da terra, produzir mais bens e jogá-los fora. O fato de que ao mesmo tempo estamos poluindo o ar e a água não nos impede. Eu tenho viajado muito ao redor do mundo e vejo que mesmo em países não industrializados, o ambiente ainda é muito poluído. Quase não existem lugares naturais e limpos, tudo está envenenado.

Este é um processo natural, visto que apenas a força do ego nos dirige. Se não houver outra força para contrabalançar o ego, a força de doação que possa equilibrá-lo, ele vai nos matar. Nós não seremos capazes de segurá-lo. Apenas um momento antes do final, não tendo escolha, vamos clamar, “Socorro!”, e então seremos salvos. Mas é melhor não chegarmos a este estado; é melhor disseminar a sabedoria da Cabalá o mais amplamente possível antes de chegar a este estado.

Devemos entender que se lutarmos apenas contra a poluição externa da Natureza, como uma sociedade pela proteção da Natureza, isso não vai ajudar. Nós recebemos todos os problemas ecológicos a fim de nos empurrar na direção da correção da alma. Se nós tratarmos apenas de melhorar o ambiente, não vamos corrigir nada ao fazê-lo.

Agora os cientistas estão começando a ver isso, dizendo que se começarmos a usar fontes alternativas de energia para preservar o meio ambiente, isso só vai levar a outros resultados inesperados. Por exemplo, os geradores que funcionam a energia eólica, que são considerados ecologicamente amigáveis, na verdade têm um forte impacto sobre o aquecimento global que não justifica a energia que produzem. Afinal, eles empurram o ar para o chão com muita força, causando maior dano do que benefício.

Existe a lei da conservação da energia. Nós não podemos produzir energia a partir do nada. Mesmo se usarmos a energia solar, ela tem um enorme impacto negativo sobre a terra. Portanto, não podemos cobrir todo o planeta com painéis solares, isso não vai nos ajudar a melhorar o ambiente, mas sim causará danos.

Na Natureza tudo é organizado de modo que apenas avançando em direção à meta da criação é que alcançaremos o equilíbrio com a Natureza. Tudo o resto que fazemos, não importa o quão bom isso possa parecer, só faz mal. Não importa o quanto tentemos proteger a Natureza, nada vai ajudar.

A tal ponto que podemos parar de pensar em salvar o ambiente e os recursos naturais da Terra, os detritos que a contaminam, o plástico que enche os mares e oceanos, mas sim, devemos lidar apenas com a nossa correção interna. Então, tudo funcionará imediatamente, porque o nível superior corrige todos os níveis que estão abaixo dele.

No Livro do Zohar e no artigo “A Introdução à Sabedoria da Cabala” do Baal HaSulam, diz-se que tudo depende da correção do homem, enquanto os níveis inanimado, vegetal e animal da natureza sobem e descem com ele, e não por conta própria. Assim, a proteção da ecologia não vai nos ajudar. Em vez disso, o principal é nos preocuparmos com a nossa alma.

Da Convenção em Nova Jersey 09/05/12, Shamati # 25

Comente