Hoje, Todos Os Caminhos Levam A Nova Jersey

Dr. Michael LaitmanPergunta: Existe diferença entre assistir a Convenção em casa, no monitor do computador, ou ir até lá pessoalmente? Será que uma pessoa consegue alguma coisa adicional estando lá pessoalmente?

Resposta: Você provavelmente sabe que no século XVIII era popular entre a classe rica comprar a sua própria cadeira ou reservado na ópera ou teatro. Se uma pessoa queria ouvir sua ária favorita numa ópera, podia ir apenas naqueles 15 minutos, apreciá-los, e depois voltar para casa. Naquela época não havia gravadores ou gravações de modo que as pessoas tinham que ir lá pessoalmente para ouvir uma sinfonia ou ópera.

Mais tarde, gravadores e televisores foram inventados. Portanto, porque os teatros não foram fechados até hoje? Por exemplo, um bilhete para uma ópera italiana de um cantor famoso custa muito dinheiro. Uma vez eu fui a uma ópera em Londres e o assento mais barato no topo da galeria custava 40 libras. Mas as pessoas ainda vão lá, porque é impossível transferir uma impressão através da tela.

Para obter uma impressão completa, você tem que estar naquele lugar pessoalmente. “Um lugar” é uma noção espiritual, que também existe em nosso mundo.

E isto é ainda mais verdadeiro em se tratando de uma Convenção Cabalística, porque nela nós nos reunimos para unir! Para isso não basta vê-la na tela ou ouvi-la através do microfone. Se até mesmo uma ópera gravada não lhe dá a mesma impressão que uma apresentação ao vivo, isso é ainda mais verdadeiro com o sentimento de união.

O propósito de toda a Convenção é a união. Todos os eventos, seminários e discussões são dedicados a isso. Este é um processo único e vivificante que não pode ser transmitido de forma alguma. Por isso eu estou disposto a viajar para qualquer grupo, para qualquer ponto do mundo, mesmo que isso seja muito pesado para mim. Mas não há escolha, eu não posso realizar a minha missão de outra forma e você não pode alcançar a meta de outra forma.

Somente se alguém vive num local muito remoto e não tem oportunidade de assistir, e realmente não pode (e ele terá de provar isso ao Criador, não para nós), então, aparentemente, existe um cálculo pessoal, especial consigo. Mas eu não deixaria a oportunidade de participar de uma Convenção passar por mim por nada.

Há um famoso exemplo de uma pessoa que viveu há milhares de anos no deserto de Negev, que trabalhava na agricultura, e que uma vez por ano viajava a pé para estudar em Jerusalém. Ela só era capaz de ficar e estudar lá por um dia, porque o caminho era tão longo que ela tinha que voltar para retornar a tempo de começar a trabalhar no campo. Até hoje, dedica-se um dia especial a sua honra (“um aluno por um dia”), quando todos se sentam e estudam.

É impossível passar a energia de uma pessoa para outra sem contato pessoal, físico, quando estamos todos juntos. É por isso que vivemos neste mundo! Este mundo é especial porque todos nós somos egoístas e, portanto, capazes de começar a nossa conexão apenas desta forma.

Afinal, nós ainda não estamos conectados a uma conexão espiritual. Portanto, outro nível inferior nos foi dado, chamado de “este mundo” – uma realidade imaginária onde a nossa conexão nasce. Depois disso ela já começa a se desenvolver na espiritualidade.

É como uma flor que não cresce até que o grão apodreça na terra e um broto cresça a partir dele, o qual depois cresce para se tornar uma flor. É assim que devemos plantar o início de nossa conexão. Apesar de estarmos no mundo egoísta, nosso grão deve apodrecer neste solo egoísta e um novo broto vai surgir dele.

No entanto, esta fase preliminar, esta conexão física entre nós é necessária, e é por isso que todo este mundo existe.

Eu acho que depois destas palavras, uma explosão deve ocorrer e todos que não se inscreveram vão correr para se inscrever para a Convenção. Se eu morasse vive nos EUA, eu não ficaria em casa…

Você pode colocar uma televisão com a maior tela na frente de você e definir as condições ideais, mais confortáveis, tirar férias do trabalho para que ninguém o impeça de assistir, mas isso ainda não vai lhe dar o contato real. Você vai perder a coisa mais importante: a sensação interior, e vai ver apenas a imagem externa.

Da Lição nos EUA de 08/05/12, Shamati

Comente