Ensine Mas Não Quebre

Dr. Michael LaitmanQuando eu estou incluído na sociedade, eu quero doar a todas as outras almas todos os desejos que estão fora de mim. Mas o que eu posso doar a elas? Então Eu (I) recebo uma Luz muito grande do Criador, a Luz de Ein Sof (Infinito) (∞) que passa através de mim para os outros.

Teach But Don't Break

No final, cada um de nós se torna semelhante ao Criador em sua relação com os outros -Aquele que doa, que se sente todos e os preenche.

Ao mesmo tempo, nós somos todos diferentes e ninguém pode tomar o lugar do outro. Todo mundo tem suas próprias habilidades especiais que lhe permitem se juntar a outros e dar-lhes algo que só ele pode dar. É essa capacidade que torna uma pessoa semelhante ao Criador em sua atitude para com os outros.

A sabedoria da Cabalá nos diz que uma pessoa não deve ser pressionada ou oprimida. A educação deve ser gratuita: nós ensinamos às pessoas a garantia mútua, as conexões mútuas, a ajuda e satisfação mútua, mas sem coerção. Se ordenarmos a uma pessoa qualquer outra coisa que não isso, vamos privá-la da capacidade de se conectar com os outros corretamente e trazer sua contribuição única em benefício de todos. Ela não será capaz de ser como o Criador em sua atitude para com o mundo e não será capaz de elevar-se ao nível do Criador, ao nível Daquele que doa.

“Doação” é quando eu recebo do Criador e passo através de mim a Luz que serve aos outros. A fim de permitir que uma pessoa faça isso, nós temos que lhe dar a educação correta, sem qualquer pressão ou opressão, de acordo com o princípio: “Educar a criança a sua própria maneira”. Em outras palavras, desenvolva seus atributos, mas não pressione, obrigue ou quebre.

Este é um método especial e nós temos que aprender a usá-lo. Se nós educarmos nossos filhos dessa maneira, eles se tornarão pessoas íntegras e bem sucedidas. Isso porque nós vamos ensiná-los a se conectar facilmente com os outros e, assim, proporcionar-lhes os meios para se aproximar da Luz. Graças a isso será mais fácil para eles identificar a força geral que está oculta  na natureza. Esta é a singularidade de nossa educação.

A uma pessoa nesse mundo falta-lhe apenas uma coisa: saber como se conectar com as outras pessoas. Ao aprender como se conectar, ela vai, sem dúvida, ter sucesso em tudo. Esta é a correção do mundo. Todas as nossas outras negociações são apenas mentiras. Nós nos confundimos com sucessos imaginários, após os quais há sempre decepções, e as crises e os nossos problemas só continuam a crescer.

Da Convenção no Brasil 5/05/12, Lição 4

Comente