O Renascimento Do Preconceito

Dr. Michael LaitmanOpinião (Nikolas Busse, Correspondente em Bruxelas para a OTAN e a UE): “Talvez o efeito colateral mais assustador da crise do euro é o renascimento do preconceito nacional. Os alemães são chamados de nazistas novamente, enquanto os membros do sul da UE são considerados preguiçosos e ladrões. Algumas frases são reminiscentes da retórica do período anterior à Primeira Guerra Mundial e entre as guerras mundiais. Expressões ásperas são evidências do declínio da UE.

“A união europeia está quebrada em seu objetivo – reconciliar os povos, que ao longo da história foram usados ​​para olhar para o outro com desconfiança, hostilidade e inveja. Apesar da existência do mercado interno e da liberdade de movimento, os cidadãos da UE são estranhos uns aos outros e vivem de acordo com a mentalidade nacional.

“Durante a crise, os europeus estão se voltando para o passado: a Europa não se esqueceu do Terceiro Reich, de modo que sempre haverá certo ceticismo em relação à Alemanha. A UE só terá um futuro se todos os Estados membros ficarem juntos”.

Meu comentário: É por isso que o método de educação e formação integral destaca a necessidade de educar com antecedência todos os participantes dos processos de integração e proceder a criação da comunidade integral apenas conforme o pensamento das pessoas mude.

Comente