A Diferença Fundamental De Uma Nova Vida

Dr. Michael LaitmanA diferença fundamental da nova vida que nós temos que construir agora está no fato de que, no passado, nós avançávamos instintivamente, porque éramos governados somente pela força de recepção. Eu procurava receber mais em qualquer lugar.

Agora, eu tenho que desenvolver uma abordagem que mostre o máximo de empatia possível pelos outros, para que eu possa me conectar, completar e unir a eles. Então, as duas forças vão começar a trabalhar juntas dentro de mim: aquela que eu estou desenvolvendo agora, que é a força de doação, conexão, participação mútua e amor, e a velha força de recepção dentro de mim.

A força da recepção não morre. Ela não permanece a mesma, mas continua a crescer e se desenvolver junto com a força de doação. Agora, essas duas forças se completam no grau humano, e isso me dá mais espaço para a criatividade.

Este desenvolvimento já não é cego; eu já não me movo na direção que o egoísmo me empurra, quando eu, obedientemente, corro atrás de cada isca, saltando em todas as direções. Agora, eu estou me desenvolvendo com entendimento e sentimento, de forma consciente e avaliando criticamente o que está acontecendo. Eu faço correções através da combinação dessas duas forças, completando-as e juntando-as, de modo a atingir um estado mais equilibrado o tempo todo.

Há um equilíbrio em cada átomo, molécula ou organismo vivo. Então, em cima desse equilíbrio, nós descobrimos um desejo adicional e alcançamos o equilíbrio num nível superior. Assim, nós evoluímos de um estado perfeito para um estado mais perfeito. Este é o processo que temos que atravessar.

O objetivo principal deste processo é o desenvolvimento de nossa consciência: para que servimos, e em que sistema nós realmente existimos? Em seguida, penetrando nas profundezas de nossa natureza, equilibrando as duas forças internas, nós começamos a sentir as camadas ocultas, forças e espaços que agora são inacessíveis para nós.

Então, nós vamos entrar no sistema das forças que estão acima do tempo, espaço e movimento. Vamos chegar a realizações e satisfações internas em nossos sentimentos e mente, que não têm qualquer conexão com a existência do nosso corpo. Afinal, isso acontece apenas na realização espiritual, na nova consciência que obtemos. Nosso corpo é apenas um veículo para as forças instintivas iniciais, necessárias para alcançarmos o grau humano.

É por isso que nós devemos apreciar este período e esses estados de transição, entendendo como o nosso tempo e condições são únicos. Nós nos aproximamos do momento do nosso nascimento como ser humano, Adão, “semelhante” à natureza. Temos diante de nós um desenvolvimento agradável e gentil, que inclui a compreensão e realização pessoal, que nos leva a uma vida maravilhosa, sem quaisquer restrições.

De KabTV  “Uma Nova Vida” Epis[odio 12, 10/01/12

Comente