O Mundo Depende Daqueles Quem Se Alçam

Dr. Michael LaitmanBaal HaSulam, “A Arvut (Garantia Mútua)”, (versão resumida): O papel do povo de Israel é preparar o mundo para uma purificação especial, de modo que ele possa aceitar o princípio do amor ao próximo, como Israel. Todos contribuem para isso; assim, cada um do povo de Israel leva o mundo inteiro para o bem.

A correção de Malchut do Infinito ocorre em etapas. Algumas de suas partes são mais “transparentes” e outras mais “grossas”, do mesmo modo que existem órgãos mais e menos importantes no corpo. Esta diferença é característica do período de corrupção, enquanto que após a correção as partes mais corrompidas podem atingir uma altura maior.

Agora, nós não vemos a situação real. Por exemplo, as nações do mundo são os vasos mais “grossos”. No entanto, após serem corrigidos por último, eles subirão acima do resto. E vice-versa, os vasos que estão começando a correção hoje são simplesmente mais puros, e é por isso que despertam primeiro. Por outro lado, eles são mais “grossos” que as gerações anteriores.

Assim, o processo ocorre por etapas. O Baal HaSulam escreve no final da “Introdução ao Livro do Zohar” que as correções são realizadas da parte leve para a pesada, e são iniciadas por aqueles que alcançaram esta necessidade, em outras palavras, por Israel, que significa “direto ao Criador” (Yashar-El).

Se no desejo geral há um impulso para seguir em frente (o ponto no coração (•), que sente este chamado), esta camada de desejos é chamada de “Israel”. A próxima camada sente dores na vida e sofre com a falta do sentido da vida (?), mas ainda não sente aspiração suficiente para revelar o propósito da criação. Finalmente, há uma camada que simplesmente sofre, embora talvez não muito, e pode se satisfazer com pouco.

Em essência, tudo depende da camada superior: se ela se corrige, a Luz vem a partir dela para os outros, porque o AHP só pode ser corrigido pela conexão com os portadores da força superior, com aqueles que têm os vasos de doação.

Da 4ª parte da Lição Diária de Cabalá 17/11/11, “A Arvut (Garantia Mútua”

Comente