A Escolha É Sua

Dr. Michael LaitmanNós temos que nos acostumar com a percepção correta da realidade. Ou nós a percebemos como hoje, como se houvesse algum mundo externo lá fora, ou percebemos que toda a realidade está dentro de nós.

Esta é uma diferença enorme, porque no primeiro caso, eu percebo toda a realidade a partir da perspectiva de usá-la para meus próprios interesses, e somente desta forma egoísta eu a sinto e compreendo. E se eu perceber a realidade através desse filtro egoísta, eu sinto o que chamamos de “este mundo” no meu desejo. No entanto, se eu perceber o mundo no sentido oposto, que é chamado de doação, não de acordo com a fórmula do “tudo é para mim”, mas sim que “tudo é para eles”, eu sinto uma realidade diferente chamada “realidade superior”,”o mundo espiritual”.

A pessoa deve verificar com muito cuidado em que posição está o seu interruptor interno, aquele que direciona seus pensamentos: é para mim ou para todos nós. Nisso reside o seu livre arbítrio a cada vez.

O interruptor está na posição central, exatamente como um interruptor liga/desliga, e eu posso transformá-lo na minha direção, e então sentir este mundo, ou posso transformá-lo “em direção aos outros” e sentir a espiritualidade. Eu sou como um guarda-chaves que gira o interruptor e sente também a parte superior deste mundo em seus desejos.

O interruptor está em suas mãos, e como girá-lo é sua única opção. Se você se desconectar de seu ego e direcionar seus pensamentos em direção aos outros em vez de você mesmo, você avançará em direção à doação e verá o mundo superior no mesmo lugar, nos mesmos desejos.

Da 1a parte da Lição Diária de Cabalá 18/10/11, Escritos do Rabash

Comente