Um Sábio Eleva-se Como Um Recém-Nascido

Dr. Michael LaitmanSe a pessoa não aspira se satisfazer egoisticamente, se ela não espera que a Luz venha e a satisfaça sem qualquer preparação, mas entende que a Luz é a sensação dentro do desejo, tal pessoa quer mudar a si mesma e é chamada de sábio.

Ela entende que lhe foi permitido somente experimentar uma impressão inicial, pequena, e ela irá somente experimentar todos os outros fenômenos sob a condição de desenvolver seu desejo de acordo com as quatro fases da Luz Direta. Lá, na última fase de desenvolvimento do desejo, ela sentirá que doa, e de acordo com isso, ela irá experimentar a vida na doação chamada de Luz superior.

Assim, um sábio é alguém que vê um “recém-nascido”, um novo estado que está nascendo. Com suas ações e a ajuda da Luz a influenciando, ele alcança mudanças tão profundas em seu desejo que passa da recepção, do desejo de receber prazer, para o desejo de doar e a sensação de amor, que é a vida.

Seu desejo muda, e ela começa a sentir a si mesma se aproximando da ação de doar que inicialmente lhe causava repulsa. A princípio, ela se força a agir. Porém, ao se esforçar e atrair para si mesma a influência da Luz, ela chega ao ponto onde realmente começa a desejar doar.

Esse é o milagre da Luz. Ela age em resposta aos nossos esforços, mesmo sem nosso desejo inicial, e o transforma. Dessa forma, o desejo passa através de estágios qualitativos de desenvolvimento e se torna um novo desejo.

A pessoa que é sábia o suficiente para ver o “recém-nascido”, o novo desejo sendo concebido nela, a necessidade de doar, se esforça e entende que está trabalhando contra a Luz constante, o “Bom que faz o Bem”. Ela usa a Luz que Corrige. Dessa forma, ela passa de um estado para outro, estado após estado, e chega à Luz da vida.

Da 1a parte da Lição Diária de Cabalá 18/07/11, Shamati #122

Comente