Os Problemas Globais Da Humanidade

Opinião: (M. Delyagin, Director de Pesquisa do Instituto de Estudos da Globalização (IPROG), kapital-rus.ru): A crise financeira mundial é uma mera manifestação exterior da transformação integral da humanidade em direcção a uma estrutura radicalmente nova da sociedade humana.

As tecnologias de processamento da informação despertaram um pequeno grupo elitista de gestores. Consequentemente, 70% da população é desnecessária e têm de ser utilizada, ora física ora socialmente. A comunicação global criou o negócio mais rentável: dar forma à opinião pública. Isto muda qualitativamente o carácter do desenvolvimento humano: enquanto que anteriormente, ao longo do curso inteiro da história humana, a humanidade cresceu ao transformar o ambiente natural, hoje começa a sentir a necessidade de se mudar a si mesma de forma a sobreviver.

Assim, todas as ciências anteriormente desenvolvidas existentes até aos nossos dias não só serão incapazes de nos assistir na nossa evolução posterior, mas irão antes impedi-la, no que concerne à humanidade inteira. De facto, hoje não é o mundo que precisa de mudança mas o próprio homem, o que significa a rejeição da ciência e da revolução técnica.

Comunicações simplificadas desgastam o sistema de governo. A sociedade civil mundial é chamada para restringir os governos mundiais. A publicidade global impôs na humanidade o desejo de lutar por altos níveis de consumo, que resultam em tensão, terror e migração.

A profundidade da crise financeira mundial é subestimada devido à falta de entendimento de que o antigo paradigma da evolução global acabou. Um sistema financeiro mundial qualitativamente novo é necessário. A integração da humanidade ultrapassou a capacidade de a controlar e exige dar um passo atrás e restaurar a sua governabilidade ao simplificar o processo do seu desenvolvimento.

Somos convocados para a revolução intelectual, para formar um novo tipo de consciência, que levará a humanidade para fora do impasse não extinguindo a sua parte, mas antes facilitando o progresso colectivo.

Na nova era do desenvolvimento humano é necessário fazer o seguinte:

  1. Compreender a essência da nova etapa da evolução humana;
  2. Definir o modelo de desenvolvimento humano que se aproxima;
  3. Identificar os maiores temas (desafios) que exigem uma solução, o que moldará o progresso da sociedade humana dentro dos parâmetros deste modelo;
  4. Trabalhar com linhas específicas de orientação e regras para organizações internacionais, governos e negócios;
  5. Formar e apontar a opinião pública e a da elite em direcção ao desenvolvimento humano harmónico nas novas definições evolucionárias.

2 Comentários

  1. boa noite. Nao poderia estar mais de acordo. Parabens pelo elevado pensamento.

  2. Acho isso óbvio demais e sem originalidade. Tô cansado de ler essas mesmices com minha esperança quase no fim de encontrar algo que me dê alento e me inspire.

Comente