Cabalistas Sobre A Torá E Os Mandamentos, Parte 45

Dr. Michael LaitmanCaros amigos, por favor, façam perguntas sobre estas passagens dos grandes Cabalistas. Os comentários entre parênteses são meus.

Somente a Luz na Torá Corrige a Pessoa

Nossos sábios disseram: “Eu criei a inclinação ao mal, Eu criei a Torá como tempero” (Babba Batra, 16). A questão do tempero é como nossos sábios disseram: “Se eles somente Me abandonarem e mantiverem Minha Torá, a Luz os corrigirá” (Yerushalmi, Hagiga , 6b). Assim, que existe um poder na Torá para corrigir uma pessoa, referindo-se ao mal dentro do homem, isto é, fazer o desejo de receber ser para doar.
– Rabash, Os Degraus da Escada, “O Homem é Criado na Torá”

Vemos que o propósito de criar os mundos e as almas foi inteiramente com um único propósito: corrigir tudo para ser para doar, que é chamado Dvekut (adesão), “equivalência de forma”. O Criador disse sobre a Torá: “Eu criei a inclinação ao mal, eu criei o tempero “. Em outras palavras, depois que a pessoa recebe a Torá como tempero (medicamento) , a inclinação ao mal (egoísmo) é corrigida a fim de doar, como está escrito no Zohar , “O anjo da morte (egoísmo) deve  tornar-se um anjo sagrado (o do amor)”.
– Rabash, Os Degraus da Escada, “O Que é a Torá e o Trabalho no Caminho do Criador”

Comente