O Código Dos Mundos Superiores

Dr. Michael LaitmanPergunta: Eu ainda não entendo hebraico. Portanto, o que devo fazer quando estamos lendo O Zohar ? Devo olhar para as letras ou apenas ouvir o texto?

Resposta: Todas as línguas, exceto o hebraico, servem para a comunicação no mundo. O hebraico, por outro lado, não é uma língua falada, mas um registro das ações espirituais de ZAT de Bina (as sete Sefirot mais inferiores), Zeir Anpin e Malchut sobre a matéria de Malchut. Os símbolos descrevem essas ações espirituais.

Então, olhe para o texto a sua frente como uma seqüência de comandos em um programa de computador: ele é simplesmente um registro de qualidades espirituais, forças e ações que você deve realizar dentro de si. É assim que eu vejo o hebraico. Eu não o trato como uma língua erudita utilizada para fazer o texto fluir suavemente, como em outras línguas.

Embora você não olhe usualmente para as letras e combinações ao ler os textos cabalísticos, você ainda olha dentro da palavra e o seu significado interior. Você olha para o símbolo, pois cada letra é sempre um símbolo.

O hebraico tem tantos dados e informações escondidas dentro da linguagem, que é impossível refleti-la na tradução. Afinal, a seqüência de letras do texto descreve as Sefirot, a ordem das ações. Como isso pode ser registrado em outro idioma?

Em cada letra nós devemos ver o símbolo de algumas qualidades ou ações espirituais que ela significa.

Da 2ª parte da Lição Diária de Cabalá 30/12/10, “Introdução do  Livro do Zohar, Artigo “Yitro (Jetro)”

Comente