Eu Existo ou Não?

Pergunta: Durante a aula, estamos constantemente tentando fazer o mesmo pedido, o que torna menos intenso. Como posso renovar a cada dia essa idéia, como se fosse a primeira vez?

Resposta: Essa é a chave, e se você conseguir, você não precisa mais nada. Mas eu não sei como ajudar aqui pois é exatamente o que está descrito em “Qualquer coisa que está em seu poder, faça-o!”

Nenhum trabalho é mais importante do que a preparação para a lição. Disseminação e tudo mais que você faça neste mundo, tudo deve girar em torno de um ponto: para construir um fundamento interno durante a aula, a antecipação da Luz que irá descer e nos reformar.

Isso deve tornar-se obsessivo no nosso pensamento, uma dor interna, sensação de que sem ele eu vou morrer, e vai ser ainda mais assustador do que morrer no mundo corpóreo! É impossível chegar a tal desejo poderoso por sua conta própria, uma pessoa necessita do grupo, de apoio e inspiração coletiva. Precisamos sentir o desespero que se acumula ao longo dos anos de esforço ….

É o ponto mais profundo em torno do qual tudo gira. Se você chegar lá, você terá sucesso em tudo. Não há nada mais, este é o ponto onde você conecta-se com o Criador. Através dele, de baixo para cima, a oração, MAN é gerada. Sua resposta MAD chega com ela de Cima para baixo,agora como a Luz Circundante.

Esta necessidade, este ponto dolorido, devem destacar-se claro e evidente como o significado mais preciso. Precisamos constantemente cuidar dele e pensar em como melhorá-lo, como chegar aos estudos com o coração partido para que possamos conectar durante a aula.

O resto não é importante o que você sabe e o que você fez não importa. O resultado final de sua vida inteira e todo o seu esforço está contido somente aqui, neste ponto. Se você vem para ele, você alcançará tudo, se não, nada mais vale a pena.

Nada mais é levado em conta, mas este momento apenas é chamado de “humano” dentro de mim. Ele determina se eu existo ou não.

[29053]
Da 3a. parte da Lição Diária de Cabala de 7/12/10, Beit Shaar haKavanot

Comente