Dando Pão Enquanto Esfomeado

Nenhum movimento que tenta unificar as pessoas, sem a sabedoria da Cabala, obterá sucesso. Só essa sabedoria lhe fornece a conexão com a Luz Superior que descreve as ações que executa. Quando você lê sobre essas ações e tem vontade de realizá-las dentro de si mesmo, você começa a mudar constantemente. Não há outros meios.

As pessoas podem montar vários grupos, mas primeiro vamos perguntar: Qual é o seu objetivo e os meios para alcançá-lo? Eles pensam que são capazes de mudar a natureza humana por si? Se sim, onde eles vão tirar o fôlego para fazer isso, se somos todos egoístas? Se não, eles não irão mais longe do que mero falatório.

Existem pessoas que gostam de dar com a sua natureza dita, “altruístas egoístas.” E eles não entendem que eles agem de dentro do seu ego, porque eles não têm um uma segunda natureza, a faísca do Alto. Eles estão realmente dispostos a dar tudo.

No tempo da minha juventude, quando eu morava em Leningrado (São Petersburgo, Rússia), eu tive uma conversa com uma senhora que costumava ser uma revolucionária. Ela me contou como ela costumava dar pão para os soldados que partiam para a guerra. Ela estava morrendo de fome, mas não se dava ao pensamento de sequer querer uma migalha desse pão.

As pessoas estão dispostas a renunciar às suas vidas, pois o nosso ego está acima do nível animal. O ego reside no nível de fala(humano), enquanto a vida do corpo permanece no animado. E se uma pessoa sente que o seu “eu” está ferido, ela ignora o seu corpo. Se ela vê que o corpo animado está tentando superar o humano nela, ela destrói essa besta. Não há altruísmo no presente.
[30200]
Da 4a. parte da Lição Diária de Cabala de 19/12/10, “A Escrava Que é Herdeira Da Sua Senhora”

Material Relacionado:
Por Que Todos Nós Devemos Nos Esforçar?
Quem é o Humano dentro de nós?

Comente