Dia Da Unidade – 29 de Agosto de 2010: Una Mãos Com Humanidade

Hoje é o Dia da Unidade, e muitos grupos e estudantes individuais de Cabala  de todo o mundo vão participar dele, conectando-se ao vivo através da Internet e do Canal de Televisão. Na unidade alcançamos o resultado desejado do nosso trabalho por inteiro, o resultado final de toda a criação porque a unidade é o meio, o receptor para a revelação do Criador, quando Ele se revela “um a um”, como está esno Livro do Zohar.

Esta é a única realidade que podemos desejar, onde em vez de sentir-se, todos se sentem “alguém” que incorporam em Si mesmo todos nós. Quando todo mundo perde o seu próprio “eu” e sente-se somente “nós” em vez disso, torna-se uma realidade completamente diferente. Ela é criada “sobre nós” e chama-se Malchut do Mundo de Atzilut ou Shechiná.

As almas quebradas existem no mundo de BYA e são consideradas “separadas da santidade”, enquanto em Malchut do Mundo de Atzilut, acima dos mundos de BYA, lá é o lugar da nossa unificação. Assim, ao aspirar pela união, construiremos a Shechiná e nela, revelaremos o Criador, que é chamado Shochen.

É por isso que no dia em que todos nós participarmos na construção de tal unidade é um dia especial. Temos que apreciá-lo e tentar se conectar a ele, tanto quanto possível!

Da 4a. parte da lição Diária de Cabalá de 29/8/10, “Introdução ao livro, Panim uMasbirot Meiron”

Material Relacionado:
Mega Congresso 2010: Uma Janela Para A Espiritualidade
Um Congresso É a Chance de Se Tornar um Embrião Espiritual
Esperamos Ver Todos Vocês Em Novembro!

Comente