Cabalistas São Almas Que Revivem A Geração

Artigo do Baal HaSulam, “Introdução ao Livro, Panim Meirot uMasbirot,” Item 8: Portanto, venha e veja como deveríamos ser gratos aos nossos professores, de dar-nos as suas Luzes sagradas e dedicar as suas almas para fazer o bem para nossas almas. Eles estão no meio entre o caminho de duros tormentos e o caminho do arrependimento. Eles nos salvam do submundo, que é mais difícil que a morte, e nos habitua a alcançar os prazeres celestiais, a gentileza e a simpatia sublime que é a nossa parte, prontos e esperando por nós desde o início, como já dissemos anteriormente.

Nós não devemos considerar estes grandes cabalistas como pessoas que viviam há algum tempo atrás, pois eles são partes de um sistema enorme: a alma. Um cabalista é uma alma que atinge o Criador, O conhece e O sente, e reside no sistema coletivo das almas, Adam HaRishon. Ele é sua parte integrante e atua como um intermediário que nos liga ao mundo espiritual num momento em que nós não realizamos ou percebemos ele.

Em outras palavras, um cabalista, não só nos deixa seus escritos, ele também realiza uma conexão entre nossas almas e o sistema coletivo. Nós mesmos não percebemos as almas dos Cabalistas. No entanto, eles conectam nossas almas (pontos no coração), com o sistema comum, permitindo contato uns com os outros e fazer parte dele. Assim, uma corrente de Luz que flui dentro do sistema chega até nós e ressuscita-nos para que possamos nos tornar suas partes integrantes e ativas.

Isto constitui o trabalho dos Cabalistas em todas as gerações: Eles garantem nossa vida dentro desse sistema espiritual. Por enquanto, nós existimos nele apenas como pontos sem consciência. Mas os Cabalistas nos ajudam transmitindo as Luzes Circundantes e Internas  que estão presentes no sistema, assim, nos despertamos.

Portanto, a vida de um cabalista não termina com a morte do seu corpo físico. Quando falamos de um cabalista, estamos a falar de uma alma que existe em comum na totalidade das almas e dos atos, independentemente da existência ou não do seu corpo no mundo material. Essa alma é ativa e parte do sistema mais próximo de nós (tal como, por exemplo, Baal HaSulam ou Rabash).

Todo nosso grupo cabalista representa um certo órgão espiritual da alma coletiva, e cuidam de nós espiritualmente. Isto está escrito sobre nós: “Devemos ser gratos aos nossos professores que dão para nós as suas Luzes sagradas.” Eles estão se dando a nós agora!

Nós não passamos de um sistema para outro. Nós permanecemos sempre dentro do mesmo sistema e apenas despertamos para mais consciência.

Da 4a. parte da Lição Diária de Cabala de 5/8/10, “Introdução ao livro, Panim uMasbirot Meirot”

Material Relacionado:
O Retorno Do Ari
O Sistema Do Rashbi Revive A Alma Comum

Comente