Uma Infusão Maravilhosa

Quando lemos o Livro do Zohar, devemos esperar pela salvação. Baal HaSulam escreveu na “Introdução ao Estudo das Dez Sefirot“, item 155: “Na verdade, existe uma grande e maravilhosa qualidade escondida nos livros cabalísticos, digna de ser divulgada.” Em outras palavras, ao estudar o Zohar, podemos unir-se com a Fonte, o Criador, que existe em outra dimensão.

Nós existimos na nossa dimensão, na separação de Deus, enquanto que o Zohar cria uma conexão entre nós e Ele, a dimensão mais elevada. De lá, a ponto da nossa aspiração, recebemos a Luz, o remédio que flui em nós uma gota de cada vez, como uma infusão.

A Torá não exige nada de irreal. Afinal, o Superior nos conhece melhor do que nós mesmos, o que é esperado de nós é medido de acordo com a forma como somos criados. A um é dito: “Sente-se com um livro. Você deve conectar-se com o seu meio ambiente, porque essa é a sua forma espiritual”.

Atualmente, uma pessoa está em seu próprio nível. Um é egoísta e não se importa com ninguém, não querendo nada, exceto o prazer egoísta. Uma pessoa nem sabe o que exatamente quer, mas o Superior sabe exatamente. É Ele quem cria esses desejos, mesmo as qualidades mais repugnantes em uma pessoa. E apenas, ocasionalmente, nós sentimos um pouco do que Ele faz.

Tendo criado tudo isto dentro de nós, o Criador espera apenas uma coisa: “Tente unir-se Comigo só um pouco, baseados em todas as coisas dadas a você de Cima.” Uma pessoa tem que revelar o estado atual, e apenas querer ser como o Superior.

No entanto, a fim de tornar-se como o Superior, é preciso imaginar o estado, quando ele e o grupo estão juntos em um estado de doação mútua, de garantia mútua. Imaginar-nos como um todo, significa que queremos sentir esse estado da Luz que já opera entre nós em conjunto. Queremos sentir que estamos juntos e que a Luz está realizando, porque nós nos tornamos como a Luz para a extensão da nossa unidade. Este é o estado que temos que imaginar.

É claro que não estamos juntos ou ligados uns aos outros, mas estamos tentando nos conectar, o que significa que queremos crescer espiritualmente e tornar-se como o nível Superior. Assim, a extensão de sua aspiração, o Zohar cria uma conexão entre a pessoa e como o grau Superior, injetando essa infusão, que são gotas de Luz, chamada “gotas de sorte” (Mazalot) que flui em direção a ela.

Não há nenhuma outra diferença entre uma pessoa e grau Superior, além do fato de que um é melhor conectado com os outros no nível Superior. Tente imaginar esse estado Superior, a conexão interna de doação mútua com todos, o que é chamado de “Alta Luz”. Esta força, a Luz Circundante que ergue como uma criança, as influências desse mesmo estado que se imagina, sonha com,  e aspira.

Da Aula Noturna do Zohar de 13/5/10

Material Relacionado:
Adesão com o criador através do Zohar

Comente